Torcedor que direcionar laser para atletas pode ser impedido de comparecer a jogos

12 Jan 10:14 2018 UniversoJus Imprima este artigo

O torcedor que utilizar laser ou similar para atrapalhar a visão ou concentração de atleta em treinamento ou competição poderá ser impedido de comparecer a eventos esportivos por até dois anos. É o que determina texto substitutivo da senadora Simone Tebet (PMDB-MS) ao projeto (PLS 327/2012) apresentado pelo ex-senador Lobão Filho.  A matéria está pronta para votação na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).

“O direcionamento de um facho de laser contra os olhos de um atleta não se caracteriza, em primeiro lugar, como um ato civilizatório”, afirma Simone Tebet.

Para a senadora, se a conduta for motivada para interferir no resultado das competições, já se constitui em “procedimento reprovável” e quem a pratica “não confia no poderio esportivo da sua própria agremiação”.

"Mas esse ato não se restringe ao momento do gol. Quem o faz pode causar sequelas que vão além das quatro linhas ou do tempo de jogo, pois o laser tem potencial para provocar danos na visão não raras vezes irreversíveis" acrescenta a senadora.

Aviões

Além de modificar o Estatuto de Defesa do Torcedor, o texto original também sugere alterar o Código Penal para tornar crime de atentado contra a segurança de transporte aéreo a conduta de direcionar laser contra os olhos de pilotos de avião, com pena de detenção de seis meses a dois anos.

No entanto, no entendimento de Simone Tebet, a proposta é dispensável, pois essa conduta se configura como uma forma de expor a perigo uma aeronave, crime já previsto no artigo 261 do Código Penal, com pena idêntica à estabelecida pelo projeto.

Fonte: Agencia Senado

em Notícias
Comente

0 Comentarios

Comente

Seus dados estão seguros
Seu endereço de e-mail nunca será publicado, nenhum dado seu será compartilhado.
Todos os campos são obrigatórios.

Últimos Correspondentes

Weslley Medeiros Viana

Advogado de Apoio

RIBEIRÃO PRETO(SP) e mais 1 cidades

Solicite uma Diligência

Ruth Da Silva Pereira

Advogado de Apoio

JABOATÃO DOS GUARARAPES(PE) e mais 7 cidades

Solicite uma Diligência

Chirlei Aparecida De Freitas

Advogado de Apoio

JANDIRA(SP) e mais 7 cidades

Solicite uma Diligência

Socialize-se

Relacionados

Suspensão por cinco anos para torcida violenta será votada na Comissão de Educação

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) analisa, nesta terça-feira (5), em reunião a partir das 11h30, projeto que amplia a lista de casos de violência passíveis de punição ...

Simone Tebet destaca exemplo de superação dos paratletas e sucesso dos jogos

A senadora Simone Tebet (PMDB-MS) destacou o exemplo de superação dos atletas que participaram das paralimpíadas do Rio de Janeiro, que se encerraram no último domingo (19). Apesar do pessimismo ...

Ministro do Esporte explica projeto para lidar com legado dos Jogos Olímpicos

O ministro do Esporte, Leonardo Picciani, apresentou aos senadores da Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), nesta terça-feira (11), o projeto do Ministério para lidar com o legado dos ...

Senado analisa suspensão de cinco anos para torcida que invadir treino

Chegou ao Senado projeto que amplia a lista de casos de violência passíveis de punição no Estatuto do Torcedor (Lei 10.671/03). A proposta (PLC 12/2017), do deputado Andre Moura (PSC-SE), ...

Torcidas envolvidas em violência podem ficar cinco anos fora dos estádios

A Comissão de Educação, Cultura e Esportes (CE) aprovou nesta terça-feira o PLC 12/2017, relatado por Romário (Pode-RJ), que endurece as punições para torcidas organizadas envolvidas em atos de violência.O ...

Universojus é um site que busca informar no meio jurídico,
político e social o que há de mais atual
no espaço do direito em sociedade.

UniversoJus.com.br

Copyright © 2015 UniversoJus. All Rights Reserved.