‘Julho Amarelo’ vai promover ações contra hepatites virais

11 Jan 12:14 2019 UniversoJus Imprima este artigo

O presidente da República Jair Bolsonaro sancionou a Lei nº 13.802, de 2019, que institui o “Julho Amarelo”, a ser realizado a cada ano, em todo o território nacional, no mês de julho, com o objetivo de promover ações relacionadas à luta contra as hepatites virais.

A lei tem origem no Projeto de Lei da Câmara (PLC) 35/2018 aprovado no Senado em 19 de dezembro passado.

O senador Paulo Rocha (PT-PA), relator da matéria na Comissão de Assuntos Sociais (CAS), entende que campanhas como esta podem estimular as pessoas a se vacinarem contra a hepatite e a buscarem o diagnóstico precoce. Ele alertou para o fato de que a hepatite é uma ameaça grave à saúde, pois ataca o fígado e é em muitos casos é assintomática.

— É de grande relevância que haja um diagnóstico precoce e, além disso, a vacinação é a melhor forma de prevenção. Instituirmos um mês destinado a chamar atenção para as hepatites virais é um instrumento eficaz de conscientização sobre seus riscos e formas de tratamento e prevenção — afirmou o senador Paulo Rocha.

O mês de julho faz referência à data escolhida pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para a celebração do Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais (28 de julho).

Fonte: Agencia Senado

em Notícias
Comente

0 Comentarios

Comente

Seus dados estão seguros
Seu endereço de e-mail nunca será publicado, nenhum dado seu será compartilhado.
Todos os campos são obrigatórios.

Últimos Correspondentes

Diana De Marchi

Advogado de Apoio

BARRACÃO(PR) e mais 4 cidades

Solicite uma Diligência

Nathalia Monteiro

Advogado de Apoio

GARANHUNS(PE) e mais 4 cidades

Solicite uma Diligência

Francisco Demetrius Pinheiro De Oliveira

Advogado de Apoio

MANAUS(AM) e mais 15 cidades

Solicite uma Diligência

Socialize-se

Relacionados

Universojus é um site que busca informar no meio jurídico,
político e social o que há de mais atual
no espaço do direito em sociedade.

UniversoJus.com.br

Copyright © 2018 UniversoJus. All Rights Reserved.